10/11/2017

Resenha | Geekerela

Geekerela
  • Autora: Ashley Poston
  • Páginas: 384
  • Editora: Intrínseca

Quando Elle Wittimer, nerd de carteirinha, descobre que sua série favorita vai ganhar uma refilmagem hollywoodiana, ela fica dividida. Antes de seu pai morrer, ele transmitiu à filha sua paixão pelo clássico de ficção científica, e agora ela não quer que suas lembranças sejam arruinadas por astros pop e fãs que nunca tinham ouvido falar da série. Mas a produção do filme anunciou um concurso de cosplay numa famosa convenção valendo um convite para um baile com o ator principal, e Elle não consegue resistir. Na Abóbora Mágica, o food truck vegano onde trabalha, ela encontra a ajuda de uma amiga cheia de talentos para moda que vai criar o traje perfeito para a ocasião. Afinal, o concurso é a chance de Elle se livrar das tarefas domésticas impostas pela terrível madrasta e das irmãs postiças malvadas. Já Darien Freeman, o astro adolescente escalado para ser o protagonista do filme, não está nada ansioso para o evento, embora o papel seja seu grande sonho. Visto como só mais um rostinho bonito, o próprio Darien também está começando a achar que se tornou uma farsa. Até que, no baile, ele conhece uma menina que vai provar o contrário. Esta releitura de Cinderela transporta para o universo nerd os principais elementos do clássico conto de fadas, fazendo uma verdadeira homenagem a todos aqueles que sabem o que é ser fã e se dedicar de coração àquilo que amam.



Ei gente! 💕Assim que Geekerela lançou aqui no Brasil, ele não me chamou muito atenção em um primeiro momento. Mas depois que vi algumas resenhas dele e notei que a história era uma releitura nerd de Cinderela, eu não podia deixar passar. Solicitei Geekerela para resenha e pude conferir realmente o quão fofa essa história é.


Elle é fã de carteirinha de um seriado que terá um remake para as telonas. Contagiada pelo amor de seus falecidos pais, Elle continuou com o amor pela ficção científica. Mas sua vida com sua madrasta e meias-irmãs não é nada fácil - ainda mais quando ela resolve participar de um concurso de cosplay da série, com a ajuda de sua colega de trabalho.

Todos os pequenos detalhes do conto de fadas está presente, mas com toques da atualidade e do universo nerd que cerca Elle. Sua difícil vida com as meias-irmãs e a madrasta é um palco para que possamos conhecer o quanto a menina sente falta dos pais e - que esse mundo nerd em que ama - é uma das poucas coisas que a fazem querer acreditar e seguir em frente. Mesmo seu pai não estando presente, dá para perceber o quão bonita foi sua relação.

Os personagens escritos pela autora são divertidos e leves. Darien - o mocinho e "príncipe" - passa por poucas e boas, assim como Elle - mesmo sendo um astro. Foi bacana ter esse contato com ela e com ele, já que o livro intercala capítulos e pontos de vista entre os dois. Além dos dois, preciso citar Hera. A colega de trabalho e fada madrinha de Elle é distante no início, mas logo mostra que é espontânea e que ajuda aqueles que precisam no momento certo.

Geekerela é aquele livro para se ler quando quer algo sem pretensão e bem leve. Além de ser uma releitura diferente, ele trás esse componente nerd que faz parte da vida de tanta gente - incluindo eu mesma. Qualquer um pode se colocar no lugar de Elle: juntar o amor por algo que gosta junto com seus pais/pessoas amadas e fazer com que toda a experiência possa ser incrível. 💖📚😊😘

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Olá!! Gostei da sua resenha e indicação. Vou anotar a dica de leitura e espero em breve voltar aqui para lhe falar o que achei.
    beijocas

    www.meumundosecreto.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Aline, tudo bem? :)

    Eu adoro releituras, principalmente no cinema. Uma das minhas favoritas é "A Nova Cinderela", aquela adaptação com a Hilary Duff no papel principal, e o lindo e estonteante Chad Michael Murray como nômade encantado.

    Assim como você, não me interessei muito por Geekerela, principalmente por conta da capa. :/ Mas eu também vi muita gente falando bem do livro, principalmente o pessoal da própria editora, e isso me fez repensar um pouco o primeiro julgamento.

    Não pretendo ler o livro agora, mas com certeza ele vai entrar na lista. :)

    Beijo grande

    Thiago | O Leitor Preguiçoso
    www.leitorpreguicoso.com.br

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© MEMÓRIAS LITERÁRIAS - 2015. Todos os direitos reservados.
Criado por: SD DESIGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo