16/06/2017

Resenha | Agora e para sempre, Lara Jean

Agora e para sempre, Lara Jean
  • Autor: Jenny Han
  • Editora: Intrínseca
  • Páginas: 304


Na surpreendente e emocionante conclusão da série, o último ano de Lara Jean no colégio não podia estar melhor: ela está apaixonadíssima pelo namorado, Peter; seu pai vai se casar em breve com a vizinha, a sra. Rothschild; e sua irmã mais velha, Margot, vai passar o verão em casa. Mas, por mais que esteja se divertindo muito — organizando o casamento do pai e fazendo planos para os passeios de turma e para o baile de formatura —, Lara Jean não pode ignorar as grandes decisões que precisa tomar, e a principal delas envolve a universidade na qual vai estudar. A menina viu Margot passar pelos mesmos questionamentos, e agora é ela quem precisa decidir se vai deixar sua família — e, quem sabe, o amor de sua vida. Quando o coração e a razão apontam para direções diferentes, qual deles se deve ouvir?



Se você ainda não leu os outros volumes da trilogia, essa resenha pode conter spoilers

Ei gente! Ao longo dessa semana lá no instagram do blog, tivemos posts especiais em parceria com a Editora Intrínseca para promover a semana Para todos os garotos que já amei. E - para fechar a semana com chave de ouro - vim aqui falar um pouquinho com vocês do que achei do desfecho dessa trilogia fofíssima - Agora e para sempre, Lara Jean da autora Jenny Han. A minha leitura foi bem devagar para que eu pudesse acompanhar os últimos passos da Lara Jean em sua jornada e eu adorei como me senti conectada com a protagonista nesse volume.


Lara Jean não poderia estar mais feliz. Seu namoro com Peter é maravilhoso, seu pai está muito feliz em um relacionamento com Trina e o ensino médio está prestes a acabar. Mas - com esse último fato - vem grandes decisões e responsabilidades. Qual universidade Lara vai escolher? Como sua família vai reagir a esse fato? E Peter? Suas incertezas e dúvidas acabaram trazendo uma nostalgia muito particular para mim, me lembrando de como quando tinha a idade de Lara eu me sentia da mesma forma. Talvez por esse fato me senti mais próxima dela.

Esse com certeza é o meu livro favorito da trilogia. Com a manutenção da narrativa doce e muito fácil da ser lida, o fechamento da jornada de Lara Jean me deu um quentinho no coração, sabe? Esse - mais do que os outros - tem o elemento família muito fundamental. A todo tempo temos a certeza da união das irmãs Song e de seu pai. E em como ela amadureceu. Lara Jean protege todos que ama, mas também se mostra firme em suas opiniões e escolhas. 

Além da Lara, todos os outros personagens secundários tem sua cota de amadurecimento e contribuição para que esse livro fique ainda melhor que os outros: Kitty está mais engraçada e mais decidida que nunca; Margot passa um sensação real de irmã mais velha e acerta mesmo no último minuto; o pai das meninas se mostra orgulhoso de todas elas. E Peter! Como não se apaixonar por ele? Completamente encantador e - apesar de se mostrar tão confuso quanto Lara em suas escolhas - tem certeza de quer sempre estar ao lado dela. 

Acho que foi um acerto muito grande da autora em seguir pelo caminho que ela foi. Nem a mais, nem a menos. Inicialmente, nem um terceiro livro ela escreveria. Mas acho que foi uma atitude muito boa a dela de compartilhar esse "último" capítulo da Lara Jean conosco. Principalmente em uma fase tão nostálgica e memorável como a dela foi. Vou sentir saudades de toda a dinâmica dos Songs e de toda a fofura que senti.


Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Oi Aline,
    Apesar de gostar de Romances, essa trilogia parece ser muito água com açúcar para o meu gosto. Que bom que vamos ter evento da trilogia em parceria com a Editora Intrínseca e a Saraiva Livraria, assim vou poder conhecer um pouco mais sobre essa trilogia que faz tanto sucesso.
    Beijos,
    André | Garotos Perdidos
    www.garotosperdidos.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© MEMÓRIAS LITERÁRIAS - 2015. Todos os direitos reservados.
Criado por: SD DESIGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo