20/12/2015

Resenha | Minha Vida Mora ao Lado

Minha Vida Mora ao Lado
  • Autor: Huntley Fitzpatrick
  • Editora: Valentina
  • Páginas: 320
Os Garrett são tudo que os Reed não são. Barulhentos, caóticos e afetuosos. São de verdade. E, todos os dias, de seu cantinho no telhado, Samantha sonha ser uma deles, ser da família. Até que, numa noite de verão, Jase Garrett vai até lá e... Quanto mais os adolescentes se aproximam, mais real esse amor genuíno vai se tornando. Contudo, precisam aprender a lidar com as estranhezas e maravilhas do primeiro amor. A família de Jase acolhe Samantha, apesar dela ter que esconder o namorado da própria mãe. Até que algo terrível acontece, o mundo de Samantha desmorona e ela é repentinamente forçada a tomar uma decisão quase impossível, porém definitiva. A qual família recorrer? Ou, quem sabe, Sam já é madura o bastante para assumir suas próprias escolhas? Será que está pronta para abraçar a vida e encarar desafios? Quem você estaria disposto a sacrificar pela coisa certa a se fazer? O que você estaria disposto a sacrificar pela verdade?

Ei gente! Cá estou eu para falar um pouco com vocês sobre esse livro - de capa linda! - que estou esperando pelo lançamento há um bom tempo. Minha Vida Mora ao Lado - publicado pela Editora Valentina e escrito pela Huntley Fitzpatrick - cumpre o que promete. Um romance young adult com um casal fofo e uma protagonista em conflito. Ah e, é claro, um momento surpreendente para seus leitores.


Sam tem uma vida - de certa forma - toda planejada. Sua mãe faz questão de deixar isso bem claro e fazer com que suas filhas sigam seu exemplo rigoroso. Apesar das aparências, Sam no fundo quer fazer parte de uma família igual a dos seus vizinhos, Os Garrett, a mesma que é observada por ela através de seu quarto a um bom tempo. Até que em uma noite de observação, Jace - um dos muitos filhos da família - aparece em sua janela e um romance tem tudo para começar. Tudo parece muito bem, até que acontece algo horrível e Samantha é obrigada a tomar uma decisão que fará alguém que ama se ferir.

Young Adult é um dos meus gêneros favoritos para a leitura. Mesmo eu já tendo passado dessa fase em que a maioria dos personagens se encontram, eu me vejo muito em diversas situações apresentadas a eles quando tinha essa idade. Me senti bem ligada a Sam nos primeiros momentos da trama: toda a necessidade de sempre estar correta e observando aqueles que tem uma vida bem diferente da sua. Essa curiosidade dela e a conexão com os vizinhos - e Jace - dão rumo a narrativa que a autora propõe.

O essencial nesse livro foi realmente as relações entre diferentes e o aprendizado que vem com isso. Os universos de Sam e Jace são distintos e ambos descobrem e mostram ao outro seu mundo. Gosto muito desse lado verossímil. A família Garrett é um dos pontos mais fortes da história. Gostei muito de cada participação de todos os familiares - dos irmãos e dos pais de Jace. Mal podia esperar pela próxima cena em que a interação entre eles era feita. 

É claro que o romance também foi uma das minhas partes favoritas. Tudo com Jace e Sam é muito encantador e fofo e o enredo vai se encaminhando para algo de certa forma morno e previsível. Até que um determinado acontecimento vem a tona e muda o caminhar de tudo - e eu realmente não esperava por ele. Isso acontece na terça parte final do livro e dá um gás final para a conclusão, que eu achei um pouco debilitada em um ponto por ter ficado muito em aberto. Eu até pensei que a autora iria escrever uma continuação. O que encontrei foi um spinoff que se passa no mesmo universo, mas com o foco em outros personagens.

Em suma, Minha Vida Mora ao Lado mostra exatamente aquilo que eu pensava, com toques de surpresa e encantamento. A escrita de Huntley é muito ágil e leve - você mal vê o tempo passar enquanto lê. Dessa forma, indico o livro a você que gosta do gênero e quer uma leitura gostosa para passar o tempo. Mesmo sendo outra história, fiquei com vontade de ler o spinoff da autora e ler outros de seus trabalhos.

Comente com o Facebook:

9 comentários:

  1. Oi Aline :)
    Tenho vontade de ler esse livro há muito tempo então fiquei muito feliz com o lançamento dele por aqui.
    Gosto muito de YA e um dos meus plots favoritos é esse de "mundos colidindo". É sempre interessante ver modos de vida tão diferentes se encontrarem e o aprendizado que é passado pra cada um.

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi, Aline. Com uma boa divulgação de Minha Vida Mora ao Lado, a editora conseguiu com que eu em atraísse pelo livro. Uma narrativa muito bem escrita, com uma premissa inigualável, uma família cheia de rupturas com uma protagonista indecisa. Um ótimo enredo!

    ResponderExcluir
  3. Estou curiosa para ler esse livro, de tanto que ouvi falar já estou encantada com o enredo e os personagens! Espero ter a oportunidade de ler em 2016 este livro!

    ResponderExcluir
  4. Aline, a capa de Minha Vida Mora ao Lado é realmente linda. Logo que vi seu lançamento e sinopse, percebi que iria gostar, e sua resenha confirmou isso. A história tem tudo para me fisgar e torná-lo um dos meus preferidos. Espero ter a oportunidade de fazer a leitura em breve.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Sabia do lançamento do livro, no entanto essa foi a primeira resenha que li sobre ele.
    Gosto bastante desse gênero, muitos dos meus livros são young adult.
    Achei a história bem bacana e diferente.O único ponto que me fez perder um pouco do interesse em lê-lo foi ter o final aberto,pois não gosto quando isso ocorre.

    ResponderExcluir
  6. Sua resenha está muito boa, desde que vi esse livro entre os lançamentos fiquei interessada, pois adoro livros de romance e a história parece ser muito boa, além disso, tenho lido muitos comentários positivos referentes a esse livro, o que só de deixa mais ansiosa ainda para lê-lo, pretendo ler Minha Vida Mora ao Lado em breve.

    ResponderExcluir
  7. Oiii...
    parece uma historia bonita e triste....ela achar a verdadeira felicidade em relaçao a familia...com a familia do amado...parece um romance muitooo legal...e quero ler o mais rapido possivel...obg pela dica...bjss...

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Ainda não conheço essa historia mais depois dessa resenha com certeza quero ler, gosto muito desse gênero e os personagens já na resenha me conquistaram também acho legal quando personagens secundários tem mais destaque deixa o livro até mais engraçado como no caso da família Garrett!!

    ResponderExcluir
  9. Ao contrário do que aconteceu contigo eu não curti muito a arte de capa. Em compensação, mesmo não sendo a maior fã do gênero, eu gostei do enredo, principalmente porque ele consegue ser surpreendente apesar dos elementos um pouco batidos. O final em aberto para mim é a oportunidade do leitor colocar em prática sua capacidade de imaginar, eu geralmente gosto desse aspecto.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© MEMÓRIAS LITERÁRIAS - 2015. Todos os direitos reservados.
Criado por: SD DESIGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo