11/08/2014

Resenha | Se Eu Ficar

Se Eu Ficar
  • Autor: Gayle Forman
  • Editora: Novo Conceito
  • Páginas: 224
  • Compre aqui: Saraiva | Submarino
Depois do acidente, ela ainda consegue ouvir a música. Ela vê o seu corpo sendo tirado dos destroços do carro de seus pais – mas não sente nada. Tudo o que ela pode fazer é assistir ao esforço dos médicos para salvar sua vida, enquanto seus amigos e parentes aguardam na sala de espera... e o seu amor luta para ficar perto dela. Pelas próximas 24 horas, Mia precisa compreender o que aconteceu antes do acidente – e também o que aconteceu depois. Ela sabe que precisa fazer a escolha mais difícil de todas.

Olás! Abrindo essa segunda semana de agosto, vou comentar um pouquinho sobre mais um livro que estava curiosa para saber do que se tratava, graças a tantos comentários positivos lá fora e por aqui. Aproveitando a estreia próxima do filme If I Stay, a Editora Novo Conceito relançou o livro de mesmo nome, Se eu Ficar escrito pela Gayle Forman. A princípio, não queria ler a sinopse, mas não me contive e acabei assistindo o trailer da adaptação. Logo tive uma queda enorme pela trama e precisava ver se era realmente aquilo tudo.

Mia aparentemente é uma adolescente normal. Tem um talento incrível para a música, uma família que a ama e um namorado sempre presente, apesar de tudo. Sua vida vai se encaminhando para grandes conquistas quando de repente ela se vê em coma depois de um trágico acidente de carro que matou toda sua família. A partir disso, Mia passa a ser uma telespectadora de tudo que acontece ao seu redor no hospital e, acima disso, precisa tomar uma grande decisão.

Se eu ficar se encontra bem em um nível de trama que eu já esperava. Apesar das "não surpresas" o livro me conquistou em outros quesitos, principalmente nas relações interpessoais entre os personagens. Logo de início já temos o acidente de carro com Mia e seus familiares. A partir disso, a protagonista vai tendo vários flashbacks de acordo com a situação vivida por ela naquele momento que a faz refletir.

A narrativa do livro é feita em primeira pessoa pelo ponto de vista da Mia e o livro é dividido em horas depois do acidente. Tudo se passa durante um pouco mais de um dia. Achei uma escolha correta da autora em propor o livro dessa forma, já que se fosse uma narrativa linear não teria tanto sentido. As jogadas de presente e passado ao longo das páginas são o que dão graça ao enredo.

Mia é uma adolescente bem insegura. Em alguns momentos, fiquei irritada com algumas de suas atitudes no passado, mas logo elas foram substituídas por falas um pouco mais maduras no presente. Sua família é bem inusitada e diferente e isso me fez gostar de todas as páginas em que eles estiveram presentes nas lembranças de Mia. Eles deram um balanceamento bacana com o romance, que realmente é o foco.

Por ser um livro pequeno e se passar em um tempo curto, logo imaginei que tudo não devia ser resolvido nesse volume. Existe um segundo livro que, a meu ver, deve explicar praticamente tudo o que queremos saber, pelo menos o que eu quero saber. Mas lembrem-se: acima de um livro de drama e perdas, esse livro é sobre escolhas que vão mudar radicalmente a vida de uma adolescente. Não consegui me imaginar na pele de Mia, e achei que a autora foi bem sensível e sutil no tema. Me fez passar as páginas e não sentir tanto a tristeza da protagonista.

Pelo o que vi do trailer, o filme tem tudo para conter cada cena que li do livro e emocionar tanto quanto ele me emocionou em diversas passagens. Vale a pena ler se você gosta do gênero e de uma leitura com temas mais realistas, com uma escrita fluída e boa de se ler. 

Comente com o Facebook:

8 comentários:

  1. Olá
    Tudo bem?
    Desde que vi que iria sair filme, logo quis ler o livro porque a sinopse me atraiu bastante, adoro livros desse gênero e a capa ficou linda, estou super ansiosa para ler e claro, assistir ao filme.
    Sua resenha me deixou ainda mais curiosa.

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/2014/08/comentario-sobre-o-livro-deu-no-jornal.html

    ResponderExcluir
  2. Eu quero tantoooooooooooo ler esse livro. Tô muito curiosa. Participei de umas 500 promoções que tavam tendo por aí e adivinha?? claro, não ganhei nenhuma hahahaha

    Beijos
    Nati

    www.meninadelivro.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Aline!
    Estava contando os dias para o lançamento de Se eu ficar e agora não vejo a hora de tê-lo em minhas mãos!
    Gostei da ideia da história e o trailer que já vi mostra que o filme será ótimo :)
    Beijos

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Aline!
    Vi esse livro há um bom tempo, quando ele ainda era de outra editora, mas fiquei curiosa mesmo quando saiu o trailer, que achei lindo... Quero ler, parece ser muito emocionante mesmo, mas também estou ansiosa pelo filme!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Nossa . Do mesmo jeito que vi resenhas positivas, também vi resenhas negativas. Porém essa sua resenha deu uma balançada legal da minha curiosidade. Ela tinha diminuído bastante, e agora deu uma forcinha pra ler a obra. Parece ser interessante, bem interessante. Essa coisa bem 'E se fosse verdade.." né?

    Enfim, gostei. :)

    ResponderExcluir
  6. Esse ano estou descobrindo tantos livros bacanas com isso de lançarem o filme. Esse foi mais um. A sua é a primeira resenha que leio, mas já vi o trailer tantas vezes que perdi as contas. E me parecem bem tudo isso que você escreveu. Quero muito assisti-lo, e claro ler o livro também. Já está na minha lista de desejados do skoob. Já fiquei sabendo que a continuação será lançada em breve.

    ResponderExcluir
  7. Através da sua resenha que soube da continuação. A Novo Conceito deve ter acertado em publicar o livro pois a divulgação foi bem massiva e também caprichada. Antes de conferir o filme, espero ter a oportunidade de ler primeiro.

    ResponderExcluir
  8. Li este livro há uns 2 anos atrás e me emocionei muito, principalmente no final. Também achei que a autora foi sensível e sutil.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© MEMÓRIAS LITERÁRIAS - 2015. Todos os direitos reservados.
Criado por: SD DESIGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo