30/06/2014

Resenha | Estranha Perfeição

Estranha Perfeição
  • Autor: Abbi Glines
  • Editora: Arqueiro
  • Páginas: 208
  • Compre aqui: Saraiva | Submarino
Della Sloane não é uma garota comum. Ansiando se libertar do seu passado sombrio e traumático, ela planeja uma longa viagem de carro em busca de autoconhecimento e dos prazeres da vida real. Seu plano, no entanto, logo encontra um obstáculo: o automóvel fica sem gasolina em Rosemary, na Flórida, uma cidadezinha praiana no meio do nada. Neste cenário, ela conhece o jovem Woods Kerrington, muito disposto a ajudar uma menina bonita em apuros. O que ela não sabe é que Woods é o herdeiro do country club Kerrington e está de casamento marcado com Angelina Greystone, uma união arranjada que culminará na fusão de suas empresas, garantindo o futuro profissional do rapaz. Uma noite despretensiosa parece a solução perfeita para Della e Woods fugirem por um tempo de tanta pressão. Do passado que ela gostaria de esquecer. Do futuro de que ele tantas vezes tentou escapar. Mas eles não poderiam prever que a atração os levaria a algo mais quando os seus caminhos se reencontrassem. Agora precisam aceitar suas estranhezas para descobrirem a perfeição.

Olás! Segunda é dia de resenha e para abrir a semana vou falar um pouquinho para vocês do que achei do livro Estranha Perfeição, da autora Abbi Glines, publicado pela Editora Arqueiro. Para quem ainda não conhece, essa mesma autora escreveu a série Sem Limites (seus dois primeiros livros já publicados). A série Perfeição é um companion da série anterior, sendo que essa se passa no mesmo mundo e personagens que já apareceram na série anterior também aparecem nessa.

Seguindo o gênero New Adult proposto na primeira série, Estranha Perfeição trás exatamente a mesma linha que encontrei nos primeiros livros. Dessa vez, Della resolveu esquecer de seu passado com lembranças terríveis e embarcou em uma road trip. Mas no meio de sua viagem, a jovem conhece Woods e logo ambos se sentem atraídos. Mas o que a protagonista não sabe é que Woods é um herdeiro milionário com um casamento arranjado. Apesar dos pesares, os dois não conseguem se ver separados.

A série Sem Limites é um new adult um pouco previsível, mas que eu gostei de ler. É super rápido e a escrita da Abbi Glines é bastante gostosa de se ler. Quando comecei a ler Estranha Perfeição, imaginava que o reflexo da escrita boa iria permanecer, mas que o enredo seria bem diferente do que encontrei na primeira série. Terrível engano. Estranha Perfeição pareceu para mim uma reformulação dos outros livros, só que um pouco menos do meu gosto.

Realmente me pareceu que a autora criou uma mesma fôrma de bolo para ambas as séries. Mesmo sendo companion, não há necessidade alguma do enredo ser parecido com a série principal. Porém, foi exatamente isso que eu encontrei. Della, assim como Blake (só que com uma personalidade não tão bacana) chegou na cidade de supetão depois de um grande trauma e mistério de seu passado. Até aí tudo bem, porque a autora tinha grandes chances de trabalhar o trauma de Della e enriquecer o enredo de uma forma bem positiva. Só que, infelizmente para mim, ela não conseguiu.

Wood consegue ser tão possessivo (ou mais) do que Rush. Eu até relevei isso em diversas partes, mas ele é um tantinho irritante às vezes, mesmo sendo um cara no final das contas, bacana. A narrativa é feita em primeira pessoa durante todo o livro, sendo que o ponto de vista é intercalado entre os protagonistas nos capítulos. Um ponto positivo que a autora encaixou.

Eu tentei não criar comparações entre as duas séries, mas eu realmente não vi escolha. As histórias são muito parecidas em algumas situações e a Abbi Glines, no meu ponto de vista, não tentou complementar a trama de uma forma que essa opinião pudesse ser mudada. Ela tinha muito potencial. Eu gostei mesmo da inserção do trauma da Della, além de achar que ela poderia ter explorado as relações interpessoais - não só entre o casal protagonista - mas também entre os amigos, principalmente de Della.

Apesar dos pesares, vou continuar acompanhando a série Perfeição. Como disse anteriormente, a escrita a Abbi é muito fluída e você consegue ler tudo em um único dia. Eu espero sinceramente que ela possa trazer algo de diferente nos próximos volumes que me faça crer mais, tanto no enredo, quanto nos personagens centrais.

Comente com o Facebook:

4 comentários:

  1. ME ABRAÇA!

    Eu também achei Perfeição = Sem limites. Não vi praticamente nada de diferente entre as séries, tinha tanto potencial para ser um NA espetacular e a Abbi resolveu focar nas safadezas apenas. Fiquei cansado de quase todo capítulo ter cenas de sexo kkk. É um erótico e não NA, não é possível.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho o primeiro e segundo livro da autora e li o primeiro e achei mega fraco, não curti. Vou ler o segundo e ver se muda né... agora este não está me cativando =/

    ResponderExcluir
  3. Nossa que triste. Quando li Paixão Sem Limites eu adorei, e sei que é uma série bastante obvia, porém agradável. Só que ao saber que Estranha perfeição nada mais é do que uma reescritura só que mudando os personagens, me deixa um pouco triste. Acho que alguns autores não tem noção que não basta fazer muitos livros, mas deve existir um diferencial. O que acho que você não encontrou nesses livros.

    Quem sabe um dia eu lerei, mas não seria um livro que eu me ocuparia para comprar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Tenho o livro, mas ainda não o li, aliás, nao conheço ainda o trabalho da autora.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© MEMÓRIAS LITERÁRIAS - 2015. Todos os direitos reservados.
Criado por: SD DESIGN.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo